Glico Fisiológica

Glico Fisiológica

Glico-fisiológica

 Imagem Ilustrativa – Produto Humano Dispensado Exclusivamente para Uso em Animais sob responsabilidade do Médico Veterinário RT ou Prescritor

  • 250ml
  • 500ml
  • 1000ml

 

REF: 2242 Categoria: Tags: , , ,

Glico-fisiológica

 Imagem Ilustrativa - Produto Humano Dispensado Exclusivamente para Uso em Animais sob responsabilidade do Médico Veterinário RT ou Prescritor
  • 250ml
  • 500ml
  • 1000ml

 

Leia Mais

Descrição

Indicações do Glicofisiológico

 

Como fonte de energia e eletrólitos.

– CARACTERÍSTICAS FARMACOLÓGICAS

glicose (dextrose) é um açúcar simples e substrato metabólico, é utilizado preferencialmente como fonte decarboidrato, sendo efetiva no tratamento de hipoglicemia de qualquer origem, inclusive alcoólica; ehiperinsulinemia.

glicose é degradada a dióxido de carbono e água e fornece 3,4 calorias/grama de glicose monoidratada. Aglicose é utilizada, distribuída e estocada pelos tecidos orgânicos.

As injeções de glicose podem induzir diurese, diminuição da proteína corpórea e perdas de nitrogênio, promover deposição de glicogênio, e diminuir ou prevenir a cetose se forem fornernecidas doses suficientes.

As soluções de cloreto de sódio são as que mais se aproximam da composição do líquido extracelular, são importantes na regulação da osmolaridade, equilíbrio ácido-base e potencial de membrana celular.

Contraindicações do Glicofisiológico

 

Coma diabético e hiperglicemia. Em pacientes com síndrome de má-absorção de glicose-galactose. Nas enfermidades cárdio-renais acompanhadas de edemashipernatremia ou retenção de fluído.

do Glicofisiológico

ADVERTÊNCIAS E PRECAUÇÕES


A solução Glicofisiológica não deve ser administrada com sangue, pois pode haver hemólise. A solução Glicofisiológica deve ser usada com grande cuidado em pacientes com insuficiência cardíaca congestiva,insuficiência renal grave e em estados clínicos nos quais exista edema com retenção de sódio.

 

Quando administrada intravenosamente, a solução Glicofisiológica pode ocasionar sobrecarga de fluído e/ou soluto, resultando em diluição das concentrações eletrolíticas do soro, hidratação excessiva, estados congestivos ou edema pulmonar.

A administração excessiva da solução Glicofisiológica pode resultar em significantes hipopotassemia.

Em pacientes com função renal diminuída, a administração da solução Glicofisiológica pode causar retenção de sódio.

Avaliações clínicas e determinações laboratoriais periódicas são necessárias para monitorar mudanças no balanço de fluido, concentrações eletrolíticas e balanço ácido-base durante a terapia parenteral prolongada, ou sempre que a condição do paciente demontrar necessidade de tais avaliações.

Devem ser tomados cuidados na administração da solução Glicofisiológica em pacientes recebendo corticóides ou corticotropina.

A solução Glicofisiológica deve ser usada com cuidado em pacientes com diabetes mellitus subclínica ou evidente.

Verificar o conteúdo da embalagem contra a luz. A solução deve estar límpida e isenta de partículas ou filamentos. Não utilizar o produto se a solução apresentar turvação, filamentos ou material particulado.

Verificar se a embalagem apresenta algum vazamento comprimindo-a firmemente com as mãos. Se for observado algum vazamento, mesmo que mínimo, descartar a embalagem, pois sua esterilidade pode estar comprometida.

Baixe nosso aplicativos
Play store App store